29 julho 2005

Esses dias tem sido calmos, normais até demais para mim. As férias se aproximam do fim, parece que mal começaram, e dos muitos planos que eu tinha feito para elas ainda nem se concretizaram.

Mas não posso dizer que não estão sendo boas, meu amor também está de férias, então pude ficar bem mais tempo com ele, e isso é ótimo!!

Ontem foi um dia bem gostoso, fiquei com ele quase o dia inteiro, ri, me irritei, mas ainda assim amei muito...

São desses momentos que uma alma sedenta como eu se alimenta. Quisera eu poder sempre beber dessa fonte.

Abraços a todos!!!

Sequilhos!!!!=]

27 julho 2005

Constelação


Tão cedo a Lua Cheia surgiu no céu
Tão linda que me assustei
Tão surpresa fiquei e, de repente
Tão logo me peguei a chorar.

Mas não foi por dores,
Angústias, anseios,
Tampouco por sua beleza
Que esmaga minh'alma
E me faz tão pequena
E só.

Choro para que minhas lágrimas
(lágrimas tão sem jeito!)
Possam ser estrelas na noite.

Na noite linda,
Vazia e só.
Tão só de estrelas!
Estrelas que o brilho
De uma lua egoísta
Escondeu.


25/05/2002-18:30

Lua, lua, lua, lua...

17 julho 2005

Férias!!!!

Viva!!!

Chegaram as tão sonhadas férias! São só 2 semanas, mas já vai dar para dar uma organizada na vida, visitar entes queridos..

Hoje vou estar indo para Itajubá, primeiro, escala em Mª da Fé, para apresentação do Le Bizarre. Clique aqui para saber mais.

Isso significa que vou demorar a dar as caras por aqui...

Bem, é isso!! Até a próxima semana!!!


Em homenagem à Prica!!!=P

12 julho 2005

Tá quase!!!

Terça-feira, dia 12/07... 3 dias para a liberdade!! =] Provisória, mas ainda assim liberdade. Agora só 5ª e 6ª feira, depois, FÉRIAS!

Entrando de férias, vou ir descansar em Itajubá, ver Mamy e Naty, ver toda a família que mora lá, e descansar a cabeça.

Hoje não está sendo um dia muito bom, minha dentista judiou taaanto de mim, estou morrendo de dor nos dentes e na cabeça. ='( Acho que é esse o motivo de eu estar desejando tanto assim a liberdade, pois quero principalmente me livrar dessa dor que me oprime...

Acho que é isso. Confesso que hoje não estou muito inspirada para escrever, me perdoem palavras tão ordinárias que estão diante dos teus olhos no momento.

Abraços a todos!!!!!

11 julho 2005

"Se seu olhar me pergunta quem sou, eu lhe questiono: será que ainda sou ? E então essa tristeza que nasce não é de ninguém? É... de ninguém. Eu: quem é? Ninguém, só ninguém. A ninguém interessa se o céu está claro, se as nuvens se brincam no céu, se o vento começou a soprar. A ninguém interessa estar lá. Eu: ninguém.

Na verdade sou brisa leve, que acalma ou procvoca arrepio. É... eu: doçura de uma brisa, frieza de morte, arrepio de vida. Eu: ninguém.

05/10/01"
É... um texto bem antigo, se eu fechar os olhos me sinto no exato momento em que o escrevi. Tempos maus na escola, não foi uma boa época para mim, mas daí pra frente começou a melhorar (graças a Deus!).
Abraços a todos!!!!

10 julho 2005

PARABÉNS!!!

Hoje eu gostaria de usar esse espaço para homenagear uma pessoa muito querida e muito especial na minha vida, que está fazendo aniversário, e que merece tudo de bom!!!!

FELIZ ANIVERSÁRIO LELLA!!!!!!!
PARABÉNS, LELLA!!! ^^


Te desejo todas as felicidades do mundo, pois você merece! Eu sei que você infelizmente não vai poder ler essa singela homenagem ainda hoje, mas acho que está valendo, não é mesmo? Saiba que apesar de toda essa correria, essa falta de tempo nada tem a ver com desleixo, que continuo te amando muito e que te desejo tudo de ótimo (Lê, me entenda, estou fazendo o possível!).

E agora vai ficar até mais difícil de nos encontrarmos, já que graças a Deus você conseguiu um bom emprego e agora não vai ter tanto tempo livre assim. Mas te juro que me esforçarei e gostaria que você também se esforçasse, para que isso nunca morra. E não digo isso só por mim, mas por todas nós.

Termino essa mensagem dedicando-te um poema que espero despertar sua memória, dos nossos tempos de escola, que tenho muito carinho por achar que tem muito a ver com todas nós.

TE AMO MUITO, VOCÊ É MUITO ESPECIAL!!!!

EU

Eu sou a que no mundo anda perdida,
Eu sou a que na vida não tem norte,
Sou a irmã do sonho, e desta sorte
Sou a crucificada... a dolorida...

Sombra de névoa tênue e esvaecida,
E que o destino amargo, triste e forte,
Impele brutalmente para a morte!
Alma de luto sempre incompreendida!...

Sou aquela que passa e ninguém vê...
Sou a que chamam triste sem o ser...
Sou a que chora sem saber por quê...

Sou talvez a visão que alguém sonhou.
Alguém que veio ao mundo pra me ver
E que nunca na vida me encontrou.

Florbela Espanca

Vou ficando por aqui mesmo. E até a próxima...

07 julho 2005

Conclusões


É, mais uma semana está chegando a seu fim... O tempo não perdoa mesmo, tantas coisas a fazer e ele não espera que a gente haja, só segue em frente!

Concluí o curso que estava fazendo. Simplismente maravilhoso, é difícil encontrar palavras para descrever como foi importante e proveitoso para mim.

Termino essa mensagem com um poema que recebemos de presente no fim do curso. E deixo aqui o meu agradecimento não só a Enny, mas a todos que estavam presentes naquele momento tão especial.

Motivo

Eu canto porque o instante existe
e a minha vida está completa.
Não sou alegre nem sou triste :
sou poeta.

Irmão das coisas fugidias,
Não sinto gozo nem tormento.
Atravesso noites e dias
no vento.

Se desmorono ou se edifico,
se permaneço ou me desfaço,
– não sei, não sei. Não sei se fico
ou passo.

Sei que canto. E a canção é tudo.
Tem sangue eterno e asa ritmada.
E um dia sei que estarei mudo:
– mais nada.

Cecília Meireles

Arriscar e amar até o fim.

05 julho 2005

!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Olá!!!!

Pelo título vocês percebem que hoje estou bem animadinha! Hehehe... É que estou feliz, essa semana está sendo muito boa!

É que comecei hoje a fazer um curso com uma Professora de São Paulo chamada Enny Parejo, e estou amando! Está sendo uma experiência maravilhosa, muito enriquecedora. Acho que vai ser bom não só para minha formação como professora, mas para minha vida.

E nesse momento estou conversando com minha irmãzinha querida (hihihi) que mora lá em Itajubá, pelo MSN. Muita bobeira, mas estou muito feliz.

E daqui a pouco vou sair pra ver um espetáculo que promete: Grupo de Teatro de Bonecos Armatrux (acho que é assim que se escreve), hoje 05/07 às 19:30 na Praça Senador José Bento.

Ah, e estou dispensada do serviço essa semana, por causa do curso!!!

Espero que todos possam se sentir bem como eu!

Abraços para todos, e um beijinho especial para todos da minha família!!!


Oi Natiii!! =P

03 julho 2005

Grito

É engraçado como a gente pode se surpreender com nossas própias atitudes, daí vem uma pessoa mais velha e conclui categórica: "É porque você é jovem, é a idade." Dá até uma raiva, mas o que a gente pode fazer?

Parece que a nossa juventude está sempre justificando nossos atos-pro bem ou pro mal. É uma coisa que a gente não consegue entender direito, ou não quer aceitar que é assim? Acho que nós jovens não gostamos de dar o braço a torcer.

Não gosto quando pessoas mais velhas começam a discorrer sobre os jovens e a juventude. É como descrever um país, quem passou por ele nunca vai poder falar como a pessoa que mora lá. Só quem é realmente jovem pode entender o que se passa, quem já passou por isso vai achar tudo muito banal.

Ser jovem é ter um grito dentro do peito, quem ainda escuta esse grito jamais envelhece. É esse grito que não deixa a gente aceitar uma injustiça, que clama por uma resposta do mundo.

Quando a gente cai, esse grito arrebenta os tímpanos da nossa alma a reclamar da dor, mas também não deixa a gente ficar no chão, faz com que a poeira seja sacudida para seguir em frente.

Quem tá de fora não entende, pois o grito só ecoa dentro da gente, e quem sufocou esse grito já envelheceu, não importando a idade.

Porque não se revolta, não se impulsiona a fazer sempre mais... Quem sufoca esse grito apenas se conforma. E é esse grito que faz o mundo girar, que faz com que a humanidade vá para frente.

Não importa sua idade, nunca deixe esse grito morrer, porque ele é a música verdadeira da VIDA.

02 julho 2005

Olá!

Hoje não é um dia muito bom para mim, não estou me sentindo muito bem...

Estou com uma danada de uma crise de bronquite, todos estão saindo, se divertindo e eu aqui, só! (Que drama. hein???)

Dor em todas as partes do corpo, cansaço sem motivo.... A mim só resta esperar que todo esse incômodo acabe, porque não tenho muitas opções do que fazer. Estou postando agora que estou mais descansada, mas daqui a pouco meu braço vai começar a doer, daí bye, bye internet!

Me dá vontade de escrever, mas acho que a inspiração não quis fazer parte de todo esse marasmo e foi embora...

Daí, assim que eu melhorar, escrevo coisas novas.

Abraços!

Colcheia.Estou ouvindo: Jagged Little Pill-Album (Alanis)Colcheia.